sábado, 14 de maio de 2016

Final de Parasitologia

Parasitologia é a 'principal' matéria do 3°ano de medicina diria eu, como que existe um estudante, antes e depois. É quando o aluno sente a pressão no curso depois de um segundo ano super tranquilo de cursada, é o medo iminente de ter o quarto ano bloqueado por não aprovar parasito. São muitas as histórias que guardam essa catedra. E eu... já tinha finalizado todas as matérias do terceiro ano até então não tinha mais aonde correr, tinha que ir pra cima de parasito. Nossa... eu ouvi tanta história de gente que tentou a prova, a maioria eram barbaridades, humilhações, e dos que aprovavam sempre lembravam com um certo temor da prova, que tiveram 'sorte' em conseguir sair com a aprovação na maioria dos contos. De tanto pintar o terror eu me sentia mais e mais pressionado.
Primeiro como aprovei bacteriologia na primeira mesa de dezembro, não acreditava nem de longe que conseguiria estudar no lapso de uma semana pra ir por parasito, então fiquei na tranquilidade.. agarrei os 4 livros e fui pro Brasil, nas férias li todos eles, e quando voltei reli mais uma vez atentamente tudo... Para a primeira mesa de fevereiro não rendi, mesmo sabendo bem não me sentia preparado, comecei a fazer aulas particulares pra saber bem, mas fiquei sem a parte de vermes, porque deram antes da primeira mesa, por esse motivo não fui na segunda de fevereiro, já na primeira de março eu tinha preparado estudado, tinha bagagem de conhecimento de meses pra me defender no exame oral, ai não teve jeito fui pra cima na última.
O final funciona assim...existem 5 condições.
1ra Promocionado total. O aluno que tira nota de 9 a 10 em todos os práticos, e parciais durante a cursada da matéria aprova diretamente sem precisar realizar exame, só entrevista com a professora. Geralmente 1 ou 2 alunos por ano conseguem tal proeza.
2nda Promocionado com temário reduzido. O aluno que tirou entre 8 e 8,99 se enquadra ai. Rende o exame mas só lhe fazem perguntas de 10 doenças. Claro que os professores são hiper rigorosos por serem poucos temas, oque torna perigoso render aqui.
3ro Promocionado somente com exame final oral.( Eu me enquadrei nessa categoria) O aluno entre 7 e 7,99 que tirou notas promediadas de parciais e práticos fica eximido de fazer exame escrito e somente necessita saber as 49 doenças da matéria na ponta da língua.
4to Aluno regular. Entre 4 e 6,99. O infeliz precisa saber todas as doenças da matéria e realiza um exame escrito antes do oral onde em geral lhe perguntam um ciclo biológico de alguma doença, uma prova de laboratório e desenhar um ovo de verme ou trofozoíto de protozoário com todos os detalhes e medidas. Aprovando esse exame escrito faz o oral igual ao terceiro promocionado.
5 Aluno livre. Até hoje em toda a história da unlar só escutei que um vivente conseguiu aprovar nessa modalidade, na sexta tentativa creio.
A matéria é dividida em 4 livros o primeiro de protozoários, o segundo de vermes, o terceiro de insetos e o ultimo sobre fungos já que a matéria é Parasitologia e Micologia Médicas.
Então e coisa pra caraco e de praxe os professores fazem uma pergunta de cada livro, se você não souber responder eles vão para as generalidades assim que o basico tem que dominar SUPER BEM ou seja saber tudo a classificação e reprodução de protozoários, saber muito bem a classificação dos vermes, platelmintos, nematelmintos, cotyloidea, taxonomia e nomes latinos e cientícos é coisa obrigatória saber, nada de falar lombrica, o negócio é ascaris lumbricoides, ou echinococcus granulosus etc. Sobre insetos tem que saber tudo na classificação, Insecta, aracnida, dipteros, nematoceros, bradiceros, tuuudo os nomes e as doenças que podem transmitir, pelo menos sobre as filarias que são umas trocentas pedem pra citar os nomes ao menos hahaha rir pra não chorar. E fungos também da vontade de chorar porque eles tem umas 10 formas de fazer sexo e eu até hoje não compreendi os nomes, só sei o grosso de actynomicetes e eumycetes. E perdão ai nos nomes graças a Deus o exame é oral não parei pra escrever tudo correto sendo que é so pronunciar e acabou xD.
Aclarado isso... o dia do exame... Ai fui eu com a cara e a coragem, na verdade me cagando, a professora é muito rigorosa e sempre sempre da um show quando algum aluno tenta ousar e se da mal.
Na ultima mesa não haviam nenhum aluno 1ro ou 2 promocionado, eramos cerca de 25 3 promocionados, ou os que somente fazem exame oral. primeiro passaram os 4tos e fizeram o exame escrito, tem de fazer em 20 30 minutos. E logo passamos nós promocionados. Uma vez dentro entregamos as libretas universitárias onde vai toda nossa historia acadêmica para firmarmos as atas de exame para serem carregadas no sistema digital nacional da universidade. A partir do momento em que você assina não tem mais escapatória. Todos terminaram, então a professora perguntou se alguém ali estava rendendo por segunda vez, quem é reprovado perde a promoção igual uma escadinha abaixo se é temário reduzido, cai pra oral se é oral cai pra escrito + oral. Todos calados, então a Dra. Paez passou olhando na cara de cada um dos alunos e escolheu dois ao azar que ela creia já ter visto rendendo. A mulher tem uma memória incrível. Agarrou o nome dos dois e foi conferir em uma lista que tinha no celular se estavam mesmo habilitados. Tudo ok. Quando ela se da por satisfeita, uma argentina levanta a mão meio insegura. -Professora to rendendo pela terceira vez nessa modalidade... -OQUEEE??
-Sinto muito mas você não rende nem promocionada nem regular porque os outros já fizeram o escrito te vejo na próxima, por favor, fora da sala. A aluna começou a implicar que devia render que era injusto e a professora inflexível. -Regras são regras, por favor saia. Mais choro e mais convites pra sair. Nisso a jovem ao sair vira pra trás e dispara. -Desculpe, mas a catedra informa muito mal isso, não sabia dessa regra e agora perdi a oportunidade. A catedra deveria informar mais claramente aos alunos.
Eu só pensava, meu deus vá embora ela já disse pra você ir embora mais de 3 vezes vai por a mulher de mal humor e eu vou me ferrar quando enfrentar ela >.<
Todos os alunos em silencio, imutáveis...
No reflexo e muito calmamente a professora virou e disse. -Tu ta vendo essa pilha de exames aqui em cima da minha mesa? São de 70 alunos regulares que realizaram a prova escrita e sabiam de sua condição. Você é uma eles 70. Acho que quem precisa se informar melhor aqui e você. Por favor toma teu rumo e sai dessa sala. BANG. Primeiro show da professora no dia rs.
Abrindo um parentesis no post sempre achei a Dra muito parecida com a personagem Melisandre da série Game of Thrones. Lógico que a atriz holandesa que interpreta a red woman e mil vezes mais bonita, jovem, e sensual, mas algo me lembra a Dra. não o fisico mas o modo de ser, o brilho dos olhos a voz calma e que ao mesmo tempo te inspira certo medo, a forma como ela olha e se dirige  impõe respeito e sempre da uns quebrão nos alunos.

Após assinarmos a ata de exame saímos todos e ela foi chamando de a dois todos os promocionados.
Primeiro entrou um casal, e eu logo fui na segunda chamada.
Me sentei bem na frente dela acompanhado de um colega suuuuper nervoso e ansioso. Ela muito calma veio me olhando fixamente e disse.
-Me fala da enfermidade de Chagas.
Justo o tema que eu tinha preparado. Comecei bem calmo e preciso a falar perfeitamente a definição.
-É uma hemohistoparasitose produzida por um protozoário matigophodario tripanossoma cruzi. É transmitido na natureza por distintas espécies de triatomíneos e é uma doença endêmica da América.
Após um breve silencio a Dra Paez disse. -Falta só uma coisa na tua definição. Eu pensei rapidamente e soltei. -É uma enfermidade que tende a evoluir a cronicidade. Ela acedeu com a cabeça e fez uma pergunta pro meu colega sobre a teoria imuno alergica que explica a cardiomegalia chagasica, logo veio pra mim novamente. perguntando sobre fisiopatogenia de megacolon, tudo impecável sem vacilar os dois alunos.
Então perguntou a ele os estados e caracteristicas do tripanossoma cruzi no hospedador vertebrado (amastigote e tripomastigote circulante) e a mim no hosp. invertebrado. (Esfero, epi e tripomastigote metaciclico infectante).
Nisso ela me pediu os sinais de portas de entrada. Já comecei bem técnico. Chagoma de inoculação, Macula eritematosa de borde elevado, então a professora me interrompeu. -Não precisa ir tão fino só me cita os nomes...Chagoma de inoculação.. lipochagoma geniano.. em lactantes e Complexo oftalmoganglionar ou sinal de romaña.
Depois eu percebi, ou pelo menos fiquei com a impressão que a professora ao ver que você sabe e domina bem o tema fica tranquila e 'feliz', pega leve, se ela vê que você vai cambaleando e perde a paciência, ela da o empurrão de uma vez pra você cair perguntando mais fino. Ela pediu a clinica da fase aguda pro companheiro e eu disse sobre a fase latente.
Nisso ela partiu pra outro assunto. E pediu para o outro falar das aranhas Latrodectus. Quais os nomes vulgares dela. Na Argentina "Viuda negra" ou "Araña de los Rastrojos". No Chile "Capulina" e na Colômbia "Coya". -E onde eu encontro ela? Qual a ação do veneno? Ele respondeu tudo bem.
Me fala agora da Loxoceles, como são os nomes dela? E ele disse Armadeira. A professora disse -Não. Parou, travou, entrou em desespero. Levantei a mão e pedi pra responder. A professora permitiu. -Loxoceles, "Araña domestica" ou "Violoncelista". "Armadeira" seria a Phoneutria aranha muito comum no meu país, Brasil.
-Me fala onde eu encontro a loxoceles e como é a ação do veneno.
Então eu disse que nas casas, geralmente nas quinas superiores das paredes perto do teto, que o veneno é dermonecrótico e hemolisante. Os pacientes relatam a dor como queimada de cigarro, que geralmente a maioria dos casos é cutaneo. Que a dor aumenta de intensidade com o tempo então o paciente busca o hospital no dia seguinte quando já nenhum analgésico resolve. Que a ferida pode ulcerar, e curar em 6 a 8 meses ou chegar aos vasos e causar coagulação intravascular disseminada e se chegar nos rins causar falha renal e o paciente morrer e comentei que esse ano de 2016 na patagônia uma senhora morreu por complicação da picada de uma loxoceles. lalala. Nisso ela perguntou ao companheiro sobre phoneutria, ele respondeu corretamente. Já satisfeita ela virou lhe perguntou o conceito de vetor, e a mim perguntou quais as doenças que o mosquito aedes aegypti alberga.
Dengue,(nem citei febre amarela) Chikungunha e Zika respondi. Assentiu com a cabeça afirmando. Me pediu uma lesão característica de Zika em adultos e bebes. Respondi que em adultos se considerava a Sindrome de Guilain Barre e nos Bebes microcefalia. Tudo que ela me perguntava era sobre conhecimentos de atualidade e minha salvação e que gosto de ler jornal, tinha boa base graças as aplicações em inglês do medscape e as leituras em francês do jornal le monde sobre as novidades. Deixei bem claro que  ainda estava em fases de estudos oque tinha dito não era certeza de medicina basada em evidencia.
Então a Dr.a me tranquilizou, me deu razão e observou que meu espanhol tinha evoluído muito e agora tinha me entendido perfeitamente. (Ela lembrou de um ano e meio atrás quando fui querer justificar meu parcial reprovado e nervoso e sem argumento ela me fez gaguejar e tudo). "O Brasileiro do Sudeste" Memória terrível.

A professora então olhou a libreta e disse -A verdade é que foi um prazer tomar exame de vocês dois vou dar um 10 pros dois! Caraaaaaaaco não podia acreditar! Tinha aprovado e com nota máxima!
Eu e meu companheiro fomos os únicos 10 do dia.
Total felicidade, até hoje viu!

5 comentários:

  1. Parabéns pela aprovação e parabéns pelo blog!!

    ResponderExcluir
  2. amigo, gostaria de saber quais são os enfoques dados no primeiro ano, aquele que é tido como o "teste", para que eu possa adiantar e ir estudando em casa? pois estou me programando para ir no próximo ano

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mat Case
      Leia e te guia pelo o post "a unlar"

      Excluir
  3. Oi Carlos bom dia! Primeiramente quero te parabenizar pelo seu blog! E tbm gostaria de saber se vc tem algum email para que eu possa entrar em contato contigo? estou querendo ir fazer medicina mas tenho algumas duvidas...
    meu email e: vitoria.valentine@yahoo.com

    ResponderExcluir
  4. Parabéns Carlos! Gostei do seu blog e rí bastante das suas histórias com a disciplina parasitologia, rsrsr e vibrei com sua vitória na avaliação! Me lembrei do meu Trabalho de conclusão de curso que fiz em parasito (sorteio) onde pesquisei sobre evolução das pesquisas para vacina para doença de Chagas ou seja muito pouco material para pesquisar e mergulhei em muuuitos artigos, mas valeu e também tirei nota máxima! Sou farmacêutica e ingressante em medicina. Minha lista de matérias que detesto Bioquímica, Parasitologia, Microbiologia e Micologia rs! Continue compartilhando suas experiências com a gente!!! :)

    ResponderExcluir